29 novembro 2016

Resenha: O Projeto Rosie


Autor: Graeme Simsion
Editora: Galera Record
Número de páginas: 320
Ano: 2013
Avaliação☆☆☆☆

Sinopse: Para Don Tillman, não há nada que não possa ser solucionado com meia hora de pesquisa científica. Exceto lidar com as mulheres.Até o momento, a única coisa não esclarecida pelos estudos no campo de atuação de Don, a genética, é o motivo para sua incapacidade de arrumar uma esposa. Uma namorada ao menos? Ou até mesmo uma amiga para somar ao seleto grupo de amigos de Don, formado por Gene, também professor na universidade, e a mulher dele, Claudia, psicóloga e esposa muito compreensiva. Para solucionar esse problema do modo mais eficaz, Don desenvolve o Projeto Esposa, um questionário meticuloso que irá ajudá-lo a filtrar candidatas inadequadas a seu estilo de vida: fumantes JAMAIS, e mulheres que se atrasam por mais de cinco minutos ou que usam muita maquiagem estão fora dos critérios pouco flexíveis que o levarão à mulher ideal. O único problema é que um questionário desse tipo exige tempo e dedicação, duas coisas que começaram a diminuir exponencialmente no cotidiano de Don desde que ele conheceu Rosie: fumante, vegetariana e incapaz de chegar na hora marcada. Ou esse era o único problema até Rosie entrar na vida de Don e – despretensiosamente, uma vez que ela nunca se candidatou ao Projeto Esposa – mostrá-lo que a mulher ideal não existe, mas o amor, sim.

Don Tilman é professor na universidade, e apesar da sua boa aparência ele tem muita dificuldade em relacionar-se com outras pessoas, principalmente quando o assunto envolve romance. É por isso que ele acaba tendo a ideia de montar um projeto para conseguir uma esposa.
Ele é o tipo de homem que tem horário até para comer, organiza todo o seu dia da melhor maneira possível e tenta solucionar todos os problemas que aparecem para ele da forma mais eficaz, mas por que ele não consegue namorar?

É pensando nisso que Don desenvolve o Projeto Esposa com o intuito de achar a parceira ideal, mas isso não se mostra uma tarefa fácil, pois ele montou um questionário muito meticuloso para ajudá-lo a filtrar as candidatas inadequadas. E se seu par ideal não for alguém que se encaixa nos seus critérios rigorosos?
Don não pensa assim, ele acha que encontrará a parceira ideal se ela se encaixar em seus critérios e para isso ela não pode se atrasar ou fumar, dentre outras coisas. Mas, depois de um "ajuda" inesperada de um dos seus amigos ele acaba conhecendo Rosie.

Rosie não é o tipo certo de garota para Don, pois ela fuma, é vegetariana, não consegue chegar cedo e tem diversos hábitos que Don não acha agradável. Porém Don se vê cada vez mais envolvido com Rosie a ponto de deixar o Projeto Esposa de lado e acaba embarcando em um novo projeto a fim de ajudar a garota a encontrar seu verdadeiro pai. E assim damos início ao Projeto Pai.

Os dois acabam entrando em diversas situações inusitadas e desconfortáveis para Don, outras ele acaba tirando de letra o que faz com que Rosie acabe apegando-se a ele de alguma forma, mas ela não vai se deixar levar tão fácil assim.
O casal é improvável e engraçado, vamos vendo o crescimento de Don no decorrer da leitura e gostei muito da história ter sido narrada por ele. 

Com o passar da leitura vamos sabendo mais tanto do passado de Rosie como o passado de Don, que nos mostra algumas cicatrizes de situações antigas. Don é realmente uma pessoa maravilhosa que só precisa de um pouco mais de tato na hora de se relacionar.
É uma leitura divertida e diferente, gostei muito da história e com certeza vou ler a continuação. 

24 novembro 2016

Resenha: Resenha:Os Contos De Beedle, O Bardo


Autora: J. K. Rowling
Editora: Rocco
Número de páginas: 108
Ano: 2008
Avaliação☆☆☆

Sinopse: Os contos foram traduzidos das runas originais pela personagem Hermione, a partir do velho exemplar herdado por ela. São cinco histórias de fadas diferentes entre si. Histórias populares para jovens bruxos e bruxas, contadas há gerações aos filhos à hora de dormir. Pouco se sabe do passado de seu autor, apenas que Beedle, o Bardo, teria nascido em Yorkshire no século XV e possuía uma longa barba; mas suas histórias foram passadas de geração em geração e têm ajudado muitos pais bruxos. Não muito diferente dos contos escritos para pequenos trouxas.Enquanto nos livros dos trouxas ela está ligada ao comportamento errado, aqui ela está associada aos heróis e às heroínas que são capazes de realizar mágicas para ajudar os outros. Só que ao mesmo tempo bruxos e bruxas descobrem que esta mesma magia pode lhes causar dificuldades e nem sempre é a solução para todos os problemas. Assim como em alguns contos de fadas, as histórias de Beedle podem assustar criancinhas, mas, por outro lado, as inspiram a serem honestas e a usarem seus poderes para o bem, algo que Dumbledore ressalta a todo momento em suas anotações.

Nesse livro conhecemos cinco contos de fadas que vem trazendo um pouco de magia e um pouco do lado humano, tudo isso para fazer o leitor refletir sobre diversas questões morais. 
Vamos vendo que nem sempre a magia é a resposta para tudo e que a mesma magia que é usada para o bem, também pode ser usada para o mal, por isso deve ser usada com cautela.

Esse livro foi um presente de Alvo Dumbledore para Hermione e por isso vem cheio de anotações feitas pelo bruxo. Aqui também vemos o conto dos três irmãos que aparece na leitura do sétimo livro da saga Harry Potter.
Não tenho muito o que falar dos contos sem estragar a leitura, mas são leituras agradáveis na medida do possível e com grandes ensinamentos para quem quiser absorvê-los. 

É uma leitura curta, o que deixa tudo mais rápido e acaba sendo bastante interessante por ser exatamente o mesmo exemplar de Dumbledore. Por ser um livro dentro de uma saga não posso deixar de ressaltar a genialidade da autora por ter feito isso.
Foi uma leitura prazerosa, nada de tão maravilhoso a ponto do livro se tornar o meu preferido, mas uma boa leitura a ponto de me deixar feliz e nostálgica ao mesmo tempo.
Não me recordo de achar qualquer erro na leitura, a diagramação está de parabéns e gostei muito da capa.

Mesmo eu, Alvo Dumbledore, acharia mais fácil recusar a Capa da Invisibilidade; o que prova apenas que, esperto como sou, continuo sendo um bobalhão tão grande quanto os demais.

23 novembro 2016

Resenha: Mau Começo - Desventuras em Série


Autor:  Lemony Snicket
Editora: Companhia das Letras
Número de páginas: 152
Ano: 2001
Avaliação☆☆☆

Sinopse: Mau Começo é o primeiro volume de uma série em que Lemony Snicket conta as desventuras dos irmãos Baudelaire. Klaus, Sunny e Violet, são encantadores e inteligentes, mas ocupam o primeiro lugar na classificação das pessoas mais infelizes do mundo. De fato, a infelicidade segue os seus passos desde a primeira página, quando eles estão na praia e recebem uma trágica notícia. Esses ímãs que atraem desgraças terão de enfrentar, por exemplo, um gosmento vilão dominado pela cobiça, um incêndio calamitoso, roupas que pinicam o corpo e mingau frio no café da manhã. É por isso que, logo na quarta capa, Snicket avisa ao leitor: "Não há nada que o impeça de fechar o livro imediatamente e sair para uma outra leitura sobre coisas felizes, se é isso que você prefere".

Após a morte de seus pais, os irmãos Baudelaire acabam sendo enviados para morar na casa do Conde Olaf, um homem desprezível que irá fazer de tudo para conseguir ficar com a fortuna das crianças, mas será uma batalha árdua para o Conde, pois os Baudelaire não irão facilitar para ele.

As crianças Baudelaire são encantadoras, inteligentes e cada uma delas possuí uma habilidade única que as torna ainda mais especiais. Violet a irmã mais velha, é uma excelente inventora, talvez a melhor de sua época, basta amarrar uma fita no cabelo que sua mente começa a funcionar para construir algo. 
Seu irmão Klaus é um leitor ávido com uma memória surpreendente e a pequena Sunny tem a capacidade de morder qualquer coisa.

A cada página, o sofrimento dos irmãos parece aumentar e Olaf começa a ordenar diversos trabalhos para as crianças e as ameças constantemente. O homem parece ter olhos em qualquer lugar e não importa onde as crianças estejam, ele sempre está lá de alguma forma. 
O livro conta a vida infeliz dos irmãos e suas aventuras para escapar desse terrível e odioso vilão de quinta categoria.

A leitura é rápida, mas essa foi a segunda vez que tentei ler esse livro por completo, pois na primeira vez infelizmente acabei abandonado. Demorei um pouco para pegar o ritmo da história, mas apesar de tudo consegui finalizar o livro.
Não foi uma leitura difícil, mas não me senti tão conectada assim com os personagens e suas dificuldades, então em alguns momentos a leitura foi bastante cansativa, mas pretendo continuar a série.

Esse é o primeiro livro de uma série e pelo visto os irmãos Baudelaire não vão livrar-se do odioso Conde Olaf tão cedo. Espero me conectar melhor com a próxima leitura e terminar a série. 
Gostei da diagramação e não encontrei qualquer erro na leitura do ebook.

Se vocês se interessam por uma história com final feliz, é melhor ler algum outro livro. Vou avisando, porque este é um livro que não tem de jeito nenhum um final feliz, como também não tem de jeito nenhum um começo feliz, e em que os acontecimentos felizes no miolo da história são pouquíssimos.

22 novembro 2016

Lançamentos de Novembro: Editora Paralela




Sinopse: Uma obsessão antiga da humanidade, as teorias da conspiração ganharam ainda mais força com a popularização da internet. Neste seu novo livro, o jornalista Edson Aran compila as principais delas, combinando uma vasta pesquisa, um texto acessível e comentários inteligentes. Ele aborda conspirações internacionais e outras específicas do Brasil e mescla algumas antigas, como os Illuminati e o Triângulo das Bermudas, com recentes, como a ameaça de dominação mundial do Google.



Sinopse: Atriz, cantora, escritora, apaixonada pelas mídias sociais, Sophia Abrahão não para. Essa versatilidade, aliada a seu jeito espontâneo e para cima, a transformou em ídolo de milhares de tirulipos (como seus fãs são chamados). Neste livro autobiográfico, pela primeira vez ela relata com detalhes sua história surpreendente e marcada por disciplina e bom humor. Da passagem pela China como modelo aos papéis marcantes na peça Confissões de adolescente e nas novelas Malhação e Rebelde, sem deixar de fora sua incursão bem-sucedida pelo mundo da música. Numa outra ainda traz fotos de arquivo e outras inéditas feitas só para o livro, escrito por Camila Fremder.


Sinopse: Depois de cinco anos de enorme sucesso com o One Direction, Zayn Malik lançou sua carreira solo com o disco Mind of Mine, se tornando um dos artistas mais bem-sucedidos do mundo. Agora, pela primeira vez, ele vai contar e mostrar tudo nesse diário íntimo e cru de sua vida. Fotos nunca antes publicadas darão aos leitores uma visão única de Zayn, sem restrições. Belamente concebido com centenas de fotos coloridas e anotações, desenhos, letras de música e histórias pessoais, este livro captura o artista nos seus momentos mais privados, assim como seus sentimentos sobre fama, sucesso, música e vida.