23 maio 2014

Resenha: Meu Amor, Meu Bem, Meu Querido



Autora: Deb Caletti
Editora: Novo Conceito
Número de páginas: 240
Ano: 2013
Avaliação☆☆

Sinopse: É verão no nordeste da cidade de Nine Mile Falls e Ruby McQueen, de 16 anos, comumente conhecida como A Garota Calada, está saindo com o maravilhoso, rico e louco por emoções Travis Becker. No entanto, Ruby está num beco sem saída e percebe que se arrisca cada vez mais quando está com Travis. Em um esforço para manter Ruby ocupada, sua mãe, Ann, a arrasta para o clube de leitura semanal que ela comanda. Quando descobrem que uma das criadoras do clube é a protagonista de uma trágica história de amor que estão lendo, Ann e Ruby planejam um encontro dos amantes de longa data. Contudo, para Ruby essa missão acaba sendo muito mais do que apenas uma viagem...


Nessa história conhecemos Ruby. Uma jovem muito calada que começa a história com "tiradas" inteligentes sobre coisas que envolvem sua vida e o ambiente escolar, até então tudo parece tranquilo e ela é uma daquelas garotas bem caladas no colégio até que um dia acaba indo de encontro ao perigo. E esse perigo chama-se Travis Becker!.

O rapaz perigoso que faz com que Ruby perca a cabeça e acabe ficando um pouco problemática, mas também puderá, pois sua mãe não é lá um exemplo de auto controle quando assunto é o ex marido (pai de Ruby e seu irmão) que sempre acha que quando vem para a casa deles ele tem que ser tratado como pai exemplar que ama a família e a ex esposa.

A medida que Travis vai mostrando um lado que Ruby não imaginaria a jovem acaba metendo os pés pelas mãos e fazendo uma "enorme besteira" e fazendo com que sua vida fique complicada a cada dia!
Em uma tentativa ( que devo dizer que ao meu ver parece ser frustante) de afastar Ruby de Travis, a mãe dela acaba levando-a ao clube de leitura o qual ela faz parte.

Nesse livro fora a história da jovem Ruby, nós vemos acontecendo uma outra em paralelo que acaba tomando boa parte do livro depois que Ruby enquanto ela decide se vai ou não parar de ver Travis.
Cada história vai se unindo ao longo do livro e alguns personagens engraçados me fizeram continuar, mas o fato é que esperava muito mais desse livro.

Temos uma mãe que não tem auto controle e acaba ficando sempre a mercê do ex marido que pode mandar e desmandar na casa dela.
Temos um aspirante a namorado que faz muita coisa errada e com certeza não é um cara legal.
Temos um grupo de velinhas bem doidas que acaba fazendo boa parte da história valer a pena porque estão lutando por uma linda história de amor.

O livro não é perfeito, mas acho que não me identifiquei tanto com a história e achei-a um pouco sem graça e com certeza se eu fosse a Ruby já teria brigado muito com minha mãe, pois é mulher é irresponsável demais em muitos sentidos.

Eu não leria nada de novo dessa autora, pelo menos  por enquanto para que eu me recupere do choque inicial que eu tive. Não achei nenhum erro no livro e até então a diagramação foi legal.

17 comentários

  1. Que pena que você achou esse livro sem graça. Quando isso acontece não queremos ler nada da autora por um bom tempo!
    Beijos... Samantha Culceag.
    Só pra Menores

    ResponderExcluir
  2. Oi, Alice
    Ainda não li nada da autora. A capa do livro é muito bonita e o título chama a atenção. Que pena que é chato.

    ResponderExcluir
  3. Oi Amiga, quando eu li este livro, eu me decepcionei demais, esperava mais da história..
    Parabéns pela resenha!

    Beijos Mila
    http://dailyofbooks.blogspot.com.br/2014/05/resenha-chamado-as-armas.html

    ResponderExcluir
  4. Oiie!! Ta um livro que não li e nem quero ler. E acho que fiz bem
    Brubs
    http://contodeumlivro.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Quero ler algo da autora ainda *---*
    Mesmo esse não sendo bom eoehoue
    http://apenas-um-vicio.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oi Alice, tudo bem?
    Que pena que esse livro não lhe agradou. Mas tenho curiosidade de ler um livro da autora, quem sabe? Não sei se seria esse, vamos ver.
    beijinhos.
    cila-leitora voraz
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oie!

    O livro parece interessante, mas não sei se eu o leria.
    Gostei da sua resenha sincera.

    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Eu já li esse... e não gostei muito sabe??
    Dei 3estrelas a ele ...

    www.chadecalmila.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. nossa vc ainda deu mais estrelas que eu.

      Excluir
  9. São poucos os leitores que parecem terem gostado desse livro, uma pena. Ainda não me chamou muita atenção, sabe?

    Beijão

    ResponderExcluir
  10. Ola Alice! Por sua resenha ótima vejo que o livro não me interessaria, estas coisas de "família" não me entretêm por muito tempo, infelizmente.

    Beijos Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    ResponderExcluir
  11. Eu ate q tinha vontade de ler esse livro, pq ganhei o marcador dele e achei a capa legal... mas depois de ler a resenha acho q nao gostaria dele nao... acho q eu n gostaria do travis nem um pouco kkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  12. Poxa, que pena não ter gostado. É a primeira resenha que leio desse livro e não esperava que ele fosse tão arrastado. Vou esperar para ler outras e vê o que dá para tirar disso tudo.
    Melhoras na sua recuperação! os blogueiros merecem um descanso de vez em quando kk

    bjos
    Leitura de Ouro
    http://leituradeouro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Oi, Alice-flor! Você não é a primeira que menciona não se identificar com esse livro e avaliá-lo como regular. Por isso nem quis tê-lo em mãos, mas confesso que a história até que me atraiu, kkkk. Se um dia esse livro cair sobre a minha mesa, o lerei, mas não pretendo ir atrás dele (rs).
    Beijos, flor!

    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Eu tenho esse livro aqui e confesso que nao me chamou a atenção e agora com essa resenha meu interesse caiu mais ainda... hahhahaha
    talvez um dia eu leia, mas por enquanto não tenho a minima vontade.

    ResponderExcluir
  15. Ei, Alice!

    Eu me identifiquei/curti mais a história paralela, sabe? Fiquei meio confusa porque a sinopse friza muito que a Ruby está com um cara problemático, daí parece que o livro gira em torno disso... Quando o real foco é voltado para essa história das velhinhas.

    No final, acabei gostando um tantinho por causa da história paralela, mas não foi lá uma grande leitura.

    Beijão,

    Natalia Leal
    Páginas Encantadas
    http://www.paginas-encantadas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Amiga, este é um livro que decepcionou em muitos aspectos, história rasa e personagens chatos, uma das piores leituras que tive ano passado, demorei quase dois meses para ler. Eu também não sei se leria outros livros da autora, pois Meu amor, meu bem, meu querido foi fraco demais.

    Beijos,

    www.daimaginacaoaescrita.com

    ResponderExcluir

Seja bem vindo ao blog e obrigada por comentar!