21 junho 2014

Resenha: Estranha Perfeição


Autora: Abbi Glines
Editora: Arqueiro
Número de páginas: 208
Ano: 2014
Avaliação☆☆

Sinopse: Della Sloane não é uma garota comum. Ansiando se libertar do seu passado sombrio e traumático, ela planeja uma longa viagem de carro em busca de autoconhecimento e dos prazeres da vida real. Seu plano, no entanto, logo encontra um obstáculo: o automóvel fica sem gasolina em Rosemary, na Flórida, uma cidadezinha praiana no meio do nada. Neste cenário, ela conhece o jovem Woods Kerrington, muito disposto a ajudar uma menina bonita em apuros. O que ela não sabe é que Woods é o herdeiro do country club Kerrington e está de casamento marcado com Angelina Greystone, uma união arranjada que culminará na fusão de suas empresas, garantindo o futuro profissional do rapaz. Uma noite despretensiosa parece a solução perfeita para Della e Woods fugirem por um tempo de tanta pressão. Do passado que ela gostaria de esquecer. Do futuro de que ele tantas vezes tentou escapar. Mas eles não poderiam prever que a atração os levaria a algo mais quando os seus caminhos se reencontrassem. Agora precisam aceitar suas estranhezas para descobrirem a perfeição.


Nesse livro conhecemos Della Sloane (sempre que eu leio um livro erótico com uma Della nunca gosto, parece perseguição) uma garota que deseja viver intensamente devido a sua infância difícil que a deixou completamente fechada para "o mundo lá fora" fazendo com que ela não saiba como é "viver de verdade".

Alguns flashes do passado aparecem no decorrer da história nos dando um vislumbre do que aconteceu com a Della e começamos a entender porque ela tem necessidade de aprender acerca de tudo de um jeito curioso e inocente que chega até a ser um pouco fofo.
É nesse momento em que está vivendo sua vida que ela acaba conhecendo um jovem rapaz em um posto de gasolina aonde a mesma está tentando sem sucesso abastecer o carro (porque a sua melhor amiga deu a chave em sua mão e nenhuma instrução de como fazer isso, e Della nem se preocupou em perguntar).

Ok foi nessa hora que eu fiquei um pouco chocada, pois a Della não é nenhuma santinha e nem conhece o rapaz direito e já vai esfregando seu corpo no dele enquanto ele fica atrás dela ensinando como se abastece o carro (e ele que não é bobo nem nada está adorando a situação).
Os dois tem uma cena quente de sexo (para mim foi mais forçado do que quente, mas tudo bem) e depois disso no dia seguinte Della acorda em um hotel e o jovem Woods não está lá, ou seja, foi apenas algo casual que nunca irá se repetir, porém pelo menos ele trouxe o carro dela para que a mesma tenha como voltar.

Depois de algum tempo a jovem Della devido a várias circunstâncias acaba voltando novamente a cidade onde encontrou Woods e por um golpe do destino os dois acabam encontrando-se e não conseguem ficar separados um do outro. Tipo imã sabe, não que isso seja ruim, só não é bem do jeito legal e sim do jeito forçado!

Mas Woods precisa assumir o cargo que lhe é por direito na empresa de seu pai, porém para isso acontecer ele precisa deixar-se manipular pelo pai. Será que isso irá atrapalhar o relacionamento dele com a Della? Como será que eles dois vão sobreviver a todos os obstáculos?
O livro intercala cada capítulo com o ponto de vista de Della e do Woods, não achei nenhum erro e gostei muito da capa ter sido igual a original.

É uma pena que eu não tenha gostado da história! Achei tudo muito rápido, muito forçado e capítulos curtos não me agradam muito, parece que eles estavam eufóricos demais e coisa que começa rápido termina muito rápido.
Sem contar que a Della faz a cabeça de todos os homens que a acham simplesmente deslumbrante fazendo o Woods ter ciúmes dos próprios amigos e ficar completamente possessivo.
Estou decidindo ainda se irei ler a continuação dessa história porque o esse livro não me agradou muito, e eu sou fã desse gênero literário! Vamos ver o que o destino me aguarda.

16 comentários

  1. Oi Alice!!!
    Sou uma suspeita para falar desse livro, porque amo os livros da Abbi.
    Bem, os dois primeiros livros da série Rosemary Beach o Woods está muito presente, então meio que quando a Abbi lançou o livro "Estranha Perfeição", eu meio que já estava encantada por ele. Ele é tão cuidadoso e protetor <3
    Eu sou apaixonada pela série em si.
    Espero que você goste dos próximos livros da série :)

    Beijos, Taty Assis.
    P.s: tem resenha nova no blog. A resenha da vez é do livro Atraído da Emma Chase. Espero que goste *-*
    http://aculpaedosleitores.blogspot.com.br/2014/06/resenha-atraido.html?m=1

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ashushuhu gente esse é possessivo, mas pelo menos você gostou é isso que importa!

      Excluir
  2. Não conhecia a autora e pra mim esse livro não seria uma boa opção. Primeiro por causa das cenas e depois por não gostar de livros rápidos, muito menos forçados. Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Oi Alice!

    Eu ainda estava na dúvida se daria uma chance a esse livro mas assim que vi você "comparando" a autora com o James Patterson (que também não gosto nenhum pouco) já desanimei. É super chato quando as situações no livro parecem forçadas, o livro perde todo o encanto. Adorei a resenha!

    Beijo,
    Naty.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. james meio que me brocha, mas eu li um livro dele que foi o único que eu gostei.
      foi caçadores de tesouros, foi tenso em uma escala muito menor do que costuma ser os livros dele.

      Excluir
  4. Olá, Alice! Eu já ouvi falar bastante da autora, mas nunca parei para ler nada dela. Acho que é tudo por conta dessas capas, não são feias, mas não me chamam a atenção. A história em si parece ser muito bom, embora tenha os pontos negativos que você citou. Enfim, vou ver em que posição da lista de desejados coloco esse kkk

    Beijinhos,
    Bia - Blog Escrevendo Mundos

    ResponderExcluir
  5. oie Alice
    fiquei com medo aqui, porque eu já não curti muito o outro livro da autora. O meu livro chegou hoje, e eu estava toda empolgadona, mas já vou ler sem expectativa.
    Odeio quando não consigo sentir a química entre os personagens, e as cenas acabam parecendo mecânicas. Espero não me decepcionar.
    bjos
    www.mybooklit.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. entendo. eu nunca tive tanta curiosidade assim de ler os livros dela, mas achei essa capa linda e resolvi dar uma chance e vi que não curti mesmo.

      Excluir
  6. Ei Alice, como vai? Bom, conheci a autora ao ler Paixão sem Limites. De primeira eu adorei, nos primeiros minutos ao acabar, mas sempre depois que paro para refletir sobre o que acaei de ler, acabo desgostando de alguns e foi o que aconteceu com o que li, que me fez chegar a mesma comclusão que você. Tudo forçado e rápido demais e sim, ela escreve bem, mas caramba, tem que melhorar. Eu não procurei a continuação rs.

    Beijos,
    Larissa

    - Vitamina de Pimenta -

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. né, tipo la não escreve ruim sabe ess eé o problema, ela escreve bem mas tudo rápido e forçado demais, e isso me deixou chateada sabe. mas quem sabe ela não melhore né. vamos torcer para isso acontecer.

      Excluir
  7. Nunca li nada da autora. Achei a sinopse pouco interessante, por isso acho que não compraria. Não gosto quando os autores querem forçar algo que não existe.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  8. Oi Alice! Eu não li a 1ª série, Sem Limites, mas quando lançaram essa nova série Perfeição, fique tão curiosa com a sinopse que cogitei ler pra resenhar, porém quando li o 1º capítulo disponibilizado pela editora, achei a cena do posto de gasolina repentina e forçada, acabei desistindo de ler o livro por enquanto.
    Beijos... Elis Culceag. * Arquivo Passional *

    ResponderExcluir
  9. Oi Alice!!!
    Eu já não tinha me interessado por esse livro, por isso nem pedi, depois que li tua resenha tive certeza que não irei lê-lo hehehe
    Não gosto de tramas com situações forçadas, e só pelo o que tu descreveu percebi que eu também não iria gostar da leitura.

    Parabéns pela resenha,
    beijos,
    Lara - Magia Literária
    http://www.magialiteraria.com/

    ResponderExcluir
  10. Oi Alice eu adoro o Rush, mas confesso que o Rush é meu preferido, estou ansiosa para conhecer sua historia.

    Beijos Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    ResponderExcluir
  11. Eu ja nao curto esses romances eroticos, então eu fico com medo de pegar o livro pra ler e ficar enrolando e enrolando e acabar abandonando, mas dependendo do livro eu nao gosto de capitulos grandes, nao tem que ser pequeno tbm, tem que ser meio termo.

    ResponderExcluir
  12. Ahhhhh, eu não gostei nada do primeiro livro, tenho o segundo, lerei para ver se melhora.
    E agora tem esse, que para mim, não me chamou toda a atenção. Quando eu ler, espero ser surpreendida. Porque realmente, esperava mais =/

    ResponderExcluir

Seja bem vindo ao blog e obrigada por comentar!