Review: Conversas com um Assassino - As Gravações de Ted Bundy


Gênero: Documentário e Drama
Número de Episódios: 4
Classificação: +14
Avaliação:  ☆☆☆☆
Sinopse: Entrevistas atuais, material de arquivo e gravações de áudio feitas no corredor da morte traçam o perfil do notório serial killer Ted Bundy.

Nesse curto documentário/seriado iremos acompanhar a trajetória de Ted Bundy, um dos maiores assassinos em série da história dos Estados Unidos. Ele era carismático e o tipo de pessoa que você não imagina que é capaz de cometer atrocidades. Ninguém sequer desconfiava que Ted sentia um desejo incontrolável de matar.

Naquela época os departamentos não trocavam informações uns com os outros. Esse foi um dos motivos pelo qual Bundy foi indo de estado em estado cometendo seus assassinatos sem eles desconfiarem que tratava-se de um assassino em série; inclusive esse nem era um termo muito utilizado, pois sabia-se muito pouco sobre esse tipo de situação, a policia não estava devidamente prepara para lidar com algo nessa magnitude.

Em alguns momentos Bundy raptava as mulheres de locais públicos, em outros ele invadia suas casas, surrava, violentava e depois as matava.
Devido ao grande sumiço de mulheres por todo o país, muitas pessoas começaram a ficar apavoradas e outras completamente fascinadas com toda a situação.
Como todo assassino em série ele possuía um M.O, todas eram mulheres atraentes e de cabelos escuros, mas uma vez ele chegou a matar uma criança de 12 anos e até mesmo fugiu da prisão - 2 vezes - e após sua fuga acabou assassinando várias mulheres no processo. A situação chegou a ficar insana e deplorável para o departamento de policia - que demonstrou um grande despreparo em diversos momentos.

O documentário é bem informativo, e é possível ver vídeos reais da assassino durante os episódios. Ouvimos a voz de Bundy contando algumas coisas, ele coloca tudo como se estivesse falando hipoteticamente, e olhar para ele chega a ser nauseante em alguns momentos, pois ele quer mesmo vender a ideia de que é inocente e que tudo aquilo trata-se de um grande engano.


Ele chegou a fazer sua própria defesa nos julgamentos querendo provar que era inocente e sempre com um sorriso nos lábios, um ar de deboche no rosto e um jeito carismático de falar. Muitas pessoas acreditavam que ele era uma pessoa inocente - mesmo depois de todas as provas que comprovavam o contrário.
Gostei muito do documentário apesar de ter lido várias criticas sobre ele. Algumas pessoas queriam que houvesse mais foco nas vitimas, mas para mim tudo foi feito na medida certa!

Assisti tudo em uma madrugada e não consegui desgrudar os olhos da tela até ter terminado todos os episódios. Valeu muito a pena assistir!
Se você gosta de coisas que envolvam crimes, talvez esse documentário seja o que você esteja procurando.

Um comentário

  1. Esta semana estava num dos muitos sites de cinema e séries que acabo indo todos os dias e havia uma polêmica sobre o filme deste assassino que não chegará mais na Netflix, como parece que havia sido prometido.
    Mas a internet é algo maravilhoso e o filme está disponível( Extremely Wicked Shockingly Evil And Vile) e acabei puxando para conferir e claro que adorei!!
    Mesmo sem gostar muito do Zac, ele arrasa na pele deste doido.
    Por isso agora claro que amei ler sobre este documentário e com certeza, verei!!!
    Beijo

    ResponderExcluir