Resenha: Hilda e o Gigante


Autor: Luke Pearson
Editora: Quadrinhos na Cia.
Número de Páginas: 56
Ano: 2017
Avaliação:  ☆☆☆☆
Sinopse: "Hilda é uma garota esperta e aventureira que consegue fazer amizade com as mais diversas criaturas — de trolls ameaçadores a enigmáticos homens de madeira. Mas ela não está tendo a mesma sorte com um exército de elfos minúsculos e invisíveis que mora em volta de sua casa… Hilda fará de tudo para defender seu lar e evitar uma mudança para a cidade grande. Mas lidar com os elfos não vai ser nada fácil — cada etapa precisa ser assinada, carimbada e encaminhada às instâncias superiores. Enquanto lida com a burocracia, Hilda ainda terá de resolver o mistério do gigante que aparece toda noite em sua janela. Afinal, os gigantes de antigamente não tinham desaparecido?"

Hilda e sua mãe estão com sérios problemas. Toda noite elas recebem cartas minúsculas de criaturas que tem um único desejo: que ela e sua mãe saiam daquele local. Elas tentam ignorar toda aquela situação, mas em uma noite elas são atacadas e tem vários objetos destruídos por essas criaturas invisíveis. 
A mãe de Hilda comenta que talvez elas precisem sair da casa para ficarem seguras, mas Hilda viveu toda a sua vida ali desde que nasceu, ela gosta de morar perto de criaturas e faz amizades com todas - pelo menos quase todas. Então sua mãe propõe que ela fique amiga desses seres invisíveis, quem sabe eles parem de atacá-las, mas se outro ataque acontecer, elas irão mudar-se dali. 

Para as criaturas invisíveis Hilda e sua mãe são consideradas gigantes que atrapalham suas vidas. Quando Hilda finalmente consegue ver os pequenos, ela tenta de todas as formas fazer com que ela e a mãe possam viver pacificamente no local. Mas, as coisas não estão sendo nada fáceis.
Enquanto isso acontece, Hilda começa a perceber um gigante olhando fixamente para onde ela e a mãe moram, mas em um piscar de olhos ele some. Quem será ele e o que quer ali? Hilda está tentando resolver esse mistério enquanto descobre uma maneira de viver pacificamente com as pequenas criaturas. 

Temos duas histórias nessa breve HQ e acompanhamos a curta saga de Hilda para resolver dois problemas ao mesmo tempo! A leitura é curta, por isso você poderá ler em poucos minutos.
Adoro os traços do autor, mas a história meio que se "perdeu" no meio para o fim. Creio que por ser curta, não tenha tido tantas páginas para desenvolver um pouco mais a trama, pois além de acontecer tudo muito rápido, Hilda acaba "desistindo", por assim dizer. Bastou um acontecimento para ela simplesmente largar de mão as coisas que no começo eram importantes e isso foi meio frustrante. 

Apesar de não ter ficado satisfeita com o final, a obra é maravilhosa na medida do possível. As ilustrações como sempre lindíssimas e a editora caprichando sempre na edição. Esse exemplar inclusive possuí capa dura e trata-se do segundo volume da série. 
É possível inclusive acompanhar as aventuras de Hilda na Netflix em forma de animação.



Nenhum comentário