30 setembro 2013

Li até a página 100: Cidade dos ossos



Primeira frase da página 100:
- Vou dizer o que puder - ela começou a andar em direção à porta, depois parou na entrada, olhando fixamente. 

Do que se trata o livro?
Clary, uma garota que presenciou um assassinato em uma boate, mas ao que parece nem tudo é o que parece ser no caso de Clary. Ela não viu algo qualquer e sim a morte de um demônio.
Depois desse dia sua vida vira de ponta cabeça e sua mãe acaba sumindo e apenas ela consegue ver algumas coisas.

O que está achando até agora?
Estou gostando muito, curti o jeito que a autora escreve e amando os personagens.

O que está achando dos protagonistas?
ótimos, apesar de Clary ser meio irritante as vezes, gosto dela um pouco. E Jace (suspira) perfeito demais com aquele jeito sarcástico e irritante para os outros ao seu redor que eu aprecio em personagens masculinos!

Melhor quote até agora: (eu escolhi um dentre muitos e foi difícil viu)
- Aquelas garotas do outro lado do vagão estão encarando você.
Jace deu um olhar afetado.
- Claro que estão- ele disse. - Sou extremamente atraente.
- Você nunca ouviu falar que a modéstia é um traço atraente? 
- Só para pessoas feias- confidenciou Jace-. - Os mais gentis podem herdar a terra, mas no momento ela pertence aos esnobes. Como eu. - Ele deu uma piscadela para as garotas, que sorriram e se esconderam atrás dos próprios cabelos.

Vai continuar lendo?
Não perderia o final desse livro por nada.

Última frase da página 100:
-Depois que tiver passado um pouquinho mais de tempo no nosso mundo- disse Jace-, você não vai mais me perguntar isso.

Olá, caçadores de coelhos raivosos (opa acho que está virando saudação nessa postagem - risos), estou aqui para apresentar a vocês minha pequena análise da leitura desse livro até e página 100. Espero que tenham gostado e nos vemos em breve com mais postagens no blog!

Nenhum comentário

Postar um comentário

Seja bem vindo ao blog e obrigada por comentar!