21 setembro 2016

Resenha: Perigosas - Pretty Little Liars


Autora: Sara Shepard
Editora: Rocco
Número de páginas: 272
Ano: 2012
Avaliação☆☆☆☆☆

Sinopse: A vida de Spencer, Aria, Hanna e Emily está prestes a virar de cabeça para baixo. Elas estavam certas: a polícia, a família DiLaurentis e a família de Spencer escondiam segredos aterrorizantes. Agora, a verdade vem à tona de uma só vez, acrescentando à equação já confusa dos mistérios de Rosewood uma personagem que transformará suas vidas, a escola e seus lares para sempre. Este será um novo e surpreendente capítulo na vida de cada uma delas: Hanna agora luta para reaver sua popularidade - não importa o preço. Spencer, pela primeira vez, deixará de pensar que ter uma irmã é um maldição. Já Emily parece ter miraculosamente encontrado o remédio impossível para seu coração partido. E Aria, ainda incerta sobre as recentes descobertas, ao menos acha que encontrou um garoto em quem pode confiar... mas nem mesmo isso ficará intacto. Todos os planos e as escolhas de nossas Belas Mentirosas serão influenciados por uma quinta pessoa. Mas, desta vez, não são as mensagens de A.
Neste eletrizante fechamento de um ciclo, os segredos são revelados do início ao fim. E a antiga amizade das quatro com Alison DiLaurentis será posta à prova: será que as lembranças ternas do passado resistiriam a segredos tão assustadores?


Descobrimos nesse oitavo livro da série, que as coisas estão prestes a mudar na vida de várias pessoas de Rosewood agora que o possível assassino de Alison está preso, porém as coisas não vão ser tão simples assim!
Apesar de termos descoberto sobre o assassino no livro anterior e o final ter sido chocante, nesse volume vamos descobrindo mais sobre o que aconteceu, como ele pode ter planejado tudo isso e que ele seguia as meninas bem de perto. Mas, será que ele é mesmo o assassino? E se ele for, é possível que tenha um cúmplice? 

Com essa grande reviravolta no caso de Alison, os pais da garota decidem revelar algo para todos na cidade através de uma coletiva de impressa e isso faz com que algo muito maior do que o esperado venha a tona. É nesse cenário que conhecemos Courtney.
Courtney é apresentada como a filha dos DiLaurentis que estava afastada do convívio familiar devido a problemas médicos e agora que o assassinato de Alison parece ter sido resolvido, a família resolveu que não havia motivos para esconder a garota, pois se fosse apresentada antes causaria um enorme reboliço. Tudo isso se deve pelo fato de que Courtney e Alison são idênticas. 

Logo quando todas estavam superando o assassinato de Alison, elas conhecem Courtney e isso deixa tudo ainda mais confuso, a garota decide contar um grande segredo para as antigas amigas de sua irmã, mas não faz isso com todas de uma vez e sim uma por uma. 
Emily é a primeira a saber do segredo e apoia Courtney a qualquer custo, a irmã de Alison inclusive parece saber todos os segredos antigos das garotas e isso vai aproximando-as cada vez mais.

Spencer queria uma irmã/amiga, Emily queria um novo amor, Hanna queria de volta sua popularidade e uma amiga com quem pudesse contar, e Aria só queria enterrar o passado e deixar tudo para trás.
As coisas vão acontecendo do jeito que as garotas esperam até um determinado período de tempo, mas elas não imaginam que tudo está prestes a desmoronar diante de seus olhos e coisas horríveis vão surgir.

Com esse clima de mistério é que vamos descobrindo todas as pontas soltas necessárias para ter um excelente livro. Descobrimos quem é a verdadeira A por trás de tudo que não havia resposta e de pequenos detalhes que talvez o leitor nem tenha prestado atenção. Vamos vendo uma rede intrincada e bem elaborada de mentiras se desfazendo na frente das garotas de modo quase colossal. 

O livro chega a ser surreal de tão bem elaborado que foi e com certeza me tirou o fôlego. Fiquei chocada com algumas revelações e quase todas as minhas teorias caíram por terra, pois não consegui imaginar que os mistérios na vida de Alison iam muito mais além.
Temos um final fechado e repleto de tragédia, mas tenho que ressaltar: que final maravilhoso! Inclusive é uma pena que os acontecimentos desse livro não tenham sido transcritos para o seriado do jeito que estavam aqui. 

Para algumas pessoas a série está grande demais e caso queiram parar a leitura da mesma por aqui não terão nenhum problema, pois o final do livro dá respostas suficientes para terminar a série de um jeito espetacular. Esse foi o segundo fechamento da série contendo respostas importantes para a trama, o primeiro ocorreu no quarto livro. 

A partir daqui tudo será novo, talvez algumas coisas do passado surjam, pois sempre existem segredos para serem revelados e peças a serem encaixadas, mas agora estamos no escuro e isso que dizer que coisas terríveis podem aguardar o leitor nos próximos livros. 
Esse foi sem dúvida um dos melhores livros da série que eu li até agora e não vejo a hora de continuar. 
A capa segue o estilo das anteriores, não achei qualquer erro na leitura e as páginas ainda continuam brancas. 

2 comentários

  1. Oi Alice, tudo bem?
    Já faz um tempinho que não passava por aqui, e chego com uma tremenda resenha.
    Eu não li esta série e também nunca assisti a nenhum dos episódios, mas minha filha adora e está sempre comentando sobre ela comigo, por isso não foi difícil acompanhar sua resenha, que ficou bem explicada, e dá pra gente sentir o quanto o livro te prendeu.
    Bjus
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  2. Eu amo mistério e amizades, e esse livro parece perfeito para mim. Sei que existe a série delas, mas ainda não tive a oportunidade de assistir.
    Amei a resenha. Abraços.

    ResponderExcluir

Seja bem vindo ao blog e obrigada por comentar!