20 julho 2017

O dia em que minha vida mudou por causa de um chocolate comprado nas Ilhas Maldivas - Editora Seguinte


Em seu livro de estreia, a roteirista Keka Reis retrata com muito bom humor a passagem da infância para a pré-adolescência, tocando em temas importantes como identidade, autoestima e a nossa relação com a tecnologia. É impossível não se envolver com as confusões que acontecem em apenas um dia da vida de Mia, que vão desde uma prova surpresa de matemática, passando por uma maluca aula de zumba, até as angústias do primeiro amor.
Data de lançamento prevista para 31 de Julho.

Informação acima retirada do facebook da editora

Sinopse: Parecia um dia comum. Bom, pelo menos um dia comum do sexto ano. Até que, no meio da aula de ciências, Mia recebeu um embrulho inesperado. Um chocolate Pura Magia Aquele chocolate trazia as melhores lembranças de seu pai, e há anos ela não encontrava mais pra vender. Junto com o chocolate, um bilhete "Quer sentar do meu lado hoje na perua?", com a letra do Bereba. E agora? Eles não eram só amigos. Por que tudo estava ficando estranho de repente? O pessoal tinha começado a passar o dia inteiro no celular e a chamar o recreio de intervalo, os adultos só queriam ter conversas sérias, não dava mais para comprar roupa na seção infantil. Como sobreviver a tudo isso e ainda decidir como responder o bilhete.

Compre na pré-venda: Amazon | Saraiva 

11 comentários

  1. Gostei muito do título e já deu pra ter uma noção da história da Mia. Adoro livros infanto juvenil *-*

    ResponderExcluir
  2. Parece ser uma graça e muito bom para presentear também, é uma fase difícil e complicada essa com tantas dúvidas assim como a da personagem que não sabe como responder o bilhete quem não já passou por isso rs.

    ResponderExcluir
  3. Esta não e um livro que me tem como enfoque, já que passei da pré-adolescência, mas adoro uma leitura divertida, e acredito que poderei reviver este momentos, também tenho uma irmã de nove anos, que ira começar a passar por esta fase, e como ela ama ler, tenho certeza que ira amar esta obra, por isso pretendo sim, adquiri-la após o lançamento.

    Participe do TOP COMENTARISTA de Julho, para participar e concorrer aos livros "O Casal que mora ao lado" e "Paris para um e outros contos".
    http://petalasdeliberdade.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Eu nunca tinha ouvido falar desse livro, mas confesso que já fiquei com vontade só por causa desse título ahhaha
    O livro parece ser bem divertido, e gosto bastante de livros assim :)

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. moça você não tinha ouvido falar porque vai ser lançado ainda '-' esse é um post avisando sobre o lançamento

      Excluir
    2. Eu vi que não foi lançado ainda, mas é que normalmente eu vejo divulgarem os lançamentos em vários blogs, mas esse livro eu não tinha visto nenhum outro blog falar hahaha

      Excluir
  5. Parece ser muito bom! Gostei do lançamento!
    A capa é muito fofa e o título também.
    Como já passei dessa fase de livros, talvez não seja muito minha praia, mas mesmo assim deve ser um livro bom.

    ResponderExcluir
  6. Título longo e uma capa divertida. Acho que vai bom ter ele em casa para ler. Assim que puder, compro para me divertir um pouco.

    ResponderExcluir
  7. Alice!
    Não tinha visto esse livro em canto nenhum ainda e acredito que dá para se divertir um pouco com a leitura, afinal, a fase de transição da adolescência traz sempre situações inusitadas, mas que temos de levar a sério.
    Bom final de semana!
    “Educar é semear com sabedoria e colher com paciência.” (Augusto Cury)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE JULHO 3 livros, 3 ganhadores, participem.

    ResponderExcluir
  8. Gostei desse lançamento, não costumo ler livros assim, mas achei a sinopse dele bem interessante, e adorei esse título! Já estou aguardando o lançamento dele =D
    Bjss ^^

    ResponderExcluir
  9. Oi, não gosto muito de livros com temática adolescente, mas esse parece ser bem legal.
    É um tapa na cara quando começam a chamar o recreio de intervalo, bateu a nostalgia agora.

    ResponderExcluir

Seja bem vindo ao blog e obrigada por comentar!