22 janeiro 2018

Resenha: A Garota dos Olhos Azuis [Abandono Literário]


Autora: Karin Slaughter
Editora: Harper Collins
Número de Páginas: 68
Ano: 2016
Avaliação☆☆
Sinopse: Uma linda garota caminha pela rua quando, de repente...
Julia Carroll sabe que muitas histórias começam assim. Bonita, inteligente, dezenove anos e recém-chegada à faculdade, ela deve tomar cuidado. Mas, mesmo com todo cuidado, ainda está apavorada, porque várias meninas estão desaparecendo.
Uma colega sua, Beatrice Oliver, desapareceu. Assim como uma moradora de rua chamada Mona-Sem-Nome. As duas sumiram no meio da rua, sem deixar vestígios.
Julia não quer ser a próxima... Sua única saída é descobrir as razões por trás desses mistérios.
A Garota dos Olhos Azuis é um emocionante e inesquecível prequel do best-seller da autora Karin Slaughter, Flores Partidas.

Julia Carroll cursa jornalismo, mora na cidade universitária de Athens e é repórter do jornal do campus. A universidade é um mundo completamente novo para Julia e ela tenta ser gentil com todos ao seu redor. Mas, quando sua colega acaba desaparecendo, Julia começa a ficar um pouco paranoica.

Agora Julia está sempre com aquela sensação estranha, como se algo estivesse espreitando. E as coisas começam a ficar mais complicadas quando uma das moradoras de um abrigo some; abrigo esse que Julia é voluntária. Mas, ninguém dá muita bola para a situação.
Então Julia começa a descobrir diversas coisas sobre casos de desaparecimentos e vitimas de estupros nos EUA. Cada vez mais mulheres estão desaparecendo e Julia torna-se cada vez mais obcecada com a situação.

Infelizmente tive de abandonar a leitura, pois o ebook é repleto de descrições que poderiam ser retiradas de tão chatas. Confesso que achei muita coisa desnecessária e esse foi um dos motivos que não consegui me conectar com a história. Sem contar que no começo a história é muito parada.

Esse ebook trata-se de um prequel do livro Flores Partidas e apesar de ter abandonado a leitura, recomendo que você leia para tirar suas próprias conclusões. 
Julia estava obcecada com o desaparecimento da garota. Dizia a si mesma que era porque queria cobrir a história para o Red & Black, mas a verdade era que ela estava morta de medo por saber que alguém — não qualquer pessoa, mas uma garota de sua idade — podia sair de casa e nunca mais voltar.

12 comentários

  1. Nossa! Esse livro tinha tudo pra virar um queridinho da minha coleção(com todo esse suspense, assassinato), porém, pelo que você escrever, percebi que vai ser chato! Nesses casos, dá vontade até de reescrever o livro, pegar a sinopse e desenvolver a própria história, porque uma ideia dessas não poderia ser desperdiçada! Imaginei a história sendo desenvolvida com base no sentimento da protagonista, um sentimento que é bem real com as mulheres no cotidiano, ia ficar muito bom, se a autora conseguisse passar esse sentimento!

    ResponderExcluir
  2. Ooi, que pena que você não se conectou com a história.
    Quando li a sinopse fiquei imaginando como Julia iria desvendar todo esse mistério, também não gosto quando o autor fica descrevendo coisas desnecessárias.
    Que pena que a história é parada.

    ResponderExcluir
  3. Que pena que tu não curtiu! Ainda não li, está na lista dos possíveis livros que tentarei ler esse ano!
    Beijinhos
    Livros, Amor e Mais

    ResponderExcluir
  4. Ainda bem que é um livro curtinho.rs Imagina ter que abandonar um livrão?
    Engraçado ver algo tão negativo de um livro que precede Flores Partidas, que já li inúmeras coisas só positivas!
    Como não conhecia, talvez eu leia e tire mesmo minhas conclusões,mas sem criar expectativas.
    Beijo

    ResponderExcluir
  5. Realmente, eu estava super interessada ao ver a capa e ler a sinopse, mas depois da sua descrição a história me soou chata e monótona. Também não me sinto motivada a continuar um livro muito descritivo e confesso que já pulei muita parte chata em leituras apenas para dizer que concluí o livro. Flores Partidas é um livro que me interessa e provavelmente lerei. Espero que não seja necessário ler os dois para aproveitar a história (risos). Beijos!
    Nerd Fox

    ResponderExcluir
  6. Olá, Alice! Adoro thrillers, mas confesso q não conhecia esse livro. Acho q tbm não li nada sobre Flores partidas. Não tenho mto problema com livros descritivos, mas, pelo visto, esse passou da conta rs. A sinopse me deixou curiosa e foi uma pena vc não ter curtido o livro.

    ResponderExcluir
  7. Olá!Caramba, decepcionante quando o livro não atinge nossas expectativas, já não havia curtido a sinopse, depois dessa resenha, certeza que vou tirar da minha lista de leitura. Quem sabe o livro não ganhe outra chance num futuro.

    ResponderExcluir
  8. Poxa, percebi que você não se animou muito com a leitura. Flores partidas está na minha lista há um tempo e eu não sabia da existência desse outro livro. Vou ver se leio Flores Partidas esse ano, se eu gostar, vou procurar esse ebook pra ver o que acho.

    ResponderExcluir
  9. Nossa, que triste um livro que parece promissor pela premissa acabar se revelando uma história chata a ponto de ser abandonada. Uma pena que tenha se decepcionado tanto com ele. Já não pretendia ler, mas é bom saber que não foi uma leitura agradável porque assim já mantenho distância, rs.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  10. Ah, o livro é tão curtinho, mas entendo você e realmente fica difícil dar continuidade a leitura quando estamos achando ela arrastada e chata com descrições que consideramos desnecessárias. Nunca li nada da Karin Slaughter, mas desde que ela veio a Bienal vejo vários elogios aos livros dela. Pretendo ler um dia Flores Partidas e Esposa Perfeita, não sei ainda sobre esse se eu leio ou não.

    ResponderExcluir
  11. Comecei a ler a resenha Com altas expectativas a respeito do livro mas acabei me decepcionando completamente eu não vou adicionar ele na minha lista de leituras e apesar do livros e curtinho eu realmente não quero me arriscar numa leitura que é óbvio que não vai gostar

    ResponderExcluir
  12. Puxa, um livro com a sinopse tão interessante e acaba sendo decepcionante. Gosto de livros com mistérios, porém livros com muita coisa desnecessárias não vale a pena ler. Se torna cansativa a leitura.

    ResponderExcluir

Seja bem vindo ao blog e obrigada por comentar!