sábado, 20 de janeiro de 2018

Resenha: Um Beijo à Meia-Noite - Contos de Fadas


Autora: Eloisa James
Editora: Arqueiro
Número de Páginas: 320
Ano:
Avaliação☆☆☆☆☆
Sinopse: Kate Daltry é uma jovem de 23 anos que não costuma frequentar os salões da alta sociedade. Desde a morte do pai, sete anos antes, ela se vê praticamente presa à propriedade da família, atendendo aos caprichos da madrasta, Mariana. Por isso, quando a detestável mulher a obriga a comparecer a um baile, Kate fica revoltada, mas acaba obedecendo. Lá, conhece o sedutor Gabriel, um príncipe irresistível. E irritante. A atração entre eles é imediata e fulminante, mas ambos sabem que um relacionamento é impossível. Afinal, Gabriel já está prometido a outra mulher – uma princesa! – e precisa com urgência do dote milionário para sustentar o castelo. Ele deveria se empenhar em cortejar sua futura esposa, não Kate, a inteligente e intempestiva mocinha que se recusa a bajulá-lo o tempo todo. No entanto, Gabriel não consegue disfarçar o enorme desejo que sente por ela. Determinado a tê-la para si, o príncipe precisará decidir, de uma vez por todas, quem reinará em seu castelo. Um beijo à meia-noite é um conto de fadas inspirado na história de Cinderela. Com um estilo que combina graça, encanto e sedução, Eloisa James escreve uma narrativa envolvente, com direito a fada madrinha e sapatinho de cristal.

Kate Daltry sofreu muito após a morte de seu pai, afinal sua madrasta gasta todo o dinheiro com coisas fúteis enquanto a jovem desempenha diversas funções para manter a propriedade em boas condições. Kate é tratada como uma empregada e se não fosse o seu bom coração/cuidado com os demais, ela já teria indo embora daquele lugar que um dia ela chamou de lar. Mas, se ela for embora quem irá impedir sua madrasta de demitir/expulsar os empregados?

O destino da jovem começa a mudar quando ela precisa atender mais um capricho da madrasta. Kate terá de passar-se por sua meia-irmã (que está machucada), e convencer um determinado alguém a aprovar o casamento da irmã. Só assim o noivo terá autorização para casar-se.
Mas, como Kate irá fazer isso? Ela é magra demais e muito diferente de Victoria, porém sua madrasta Mariana acha que Kate é capaz de fazer isso.
A jovem acha a situação toda absurda demais, contudo a irmã precisa que esse casamento aconteça ou sua reputação ficará manchada. Então Kate embarca em uma grande aventura para tentar conseguir a aprovação de um príncipe e pelo visto não será nada fácil.

Gabriel começa a ficar interessado em Kate, afinal em toda a sua vida ele nunca encontrou uma mulher que não se jogasse aos seus pés, uma mulher que não sonhasse em ser uma princesa. Mas, Kate quer ter uma vida simples e tranquila, ela não deseja nada de muito glamoroso.
Vamos vendo alguns conflitos internos sobre a vida de Gabriel e percebemos que ele deseja apenas manter seus familiares em boas condições, mas para que isso aconteça ele necessita casar com uma herdeira. Porém tudo isso iria por água a baixo se ele ficasse apaixonado por Kate.

O livro é divertido, envolvente e cheio de descobertas acerca de alguns segredos que a família de Kate esconde. 
Alguns personagens se destacam mais que outros e o leitor vai ficando cada vez mais fascinado com esse romance que envolve um leão, uma madrasta detestável, uma madrinha irreverente, uma meia-irmã doce, três cachorrinhos e sapatinhos de cristal. 

Confesso que não imaginava que iria rir tanto durante a leitura e apesar ter me irritado com algumas ações do príncipe, ele ainda está aprendendo que as coisas nem sempre saem como ele deseja. Afinal, só porque você é um príncipe não quer dizer que todos devem cair aos seus pés e aceitar todas as suas vontades.
O livro possui capítulos intercalados entre os pontos de vista de Kate e Gabriel, e se você gosta de diálogos espirituosos e cheios de ironia, essa leitura com certeza é uma boa pedida.
Esse é o segundo livro da série Contos de Fadas e caso queira começar a leitura da série por esse livro, não tem problema nenhum. Cada livro dessa série vem trazendo uma história, então não atrapalha em nada a ordem de leitura.
A capa é linda, a diagramação está ótima e não tenho nenhuma reclamação sobre a edição física.

Se o dinheiro pudesse comprar beijos como esse, eu gostaria de ser uma herdeira.

11 comentários

  1. Olá! Esse livro já está na minha listinha a algum tempo e agora depois dessa resenha, fiquei mais curiosa ainda para ler, afinal na maioria das resenhas que leio são citadas as mancadas de um certo príncipe (o que será que ele fez?). Gosto de releituras de conto de fadas, se bem que já li umas adaptações medonhas. A capa está linda mesmo. Espero não me decepcionar com esse livro, passando na frente dos outros em 3...2...1.

    ResponderExcluir
  2. Acho que uma das releituras mais conhecidas é da Cinderela, tem vários filmes e de uma época pra cá estou vendo em livros também. Acho isso legal porque quem é fã dela fica ainda mais animado pra ler. Ainda não li nenhum livro desse gênero, mas sei que romance de época tem encantado cada vez mais os corações dos leitores, justamente por trazer essa coisa divertida, leve, mas com mensagens bem legais. E essa madrasta chamada Mariana? Precisava mesmo ser minha xará? Achei o quote no final da resenha super fofo e imagino eu marcando vários post-it caso eu leia um dia.

    ResponderExcluir
  3. Tenho namorada esta série desde que li a resenha do primeiro livro,Quando a Bela Domou a Fera! Que cá entre nós, tem uma capa belíssima!
    Aí, quando este segundo volume foi lançado, mais uma paixão.
    Amo releituras, ainda mais quando dão essa "mudada" nos contos, trazendo mocinhas não tão frágeis e com certeza, mais fortes e destemidas.
    Lerei com certeza!
    Beijo

    ResponderExcluir
  4. Oi, Alice.
    Eu ainda não li o primeiro livro mas estou come esse segundo. Amo releitura dos livros, me divirto muito com eles e tenho certeza que irei gostar muito dessa história.
    Beijos
    http://www.suddenlythings.com/

    ResponderExcluir
  5. Olá, Alice! Não sou grande fã de contos de fadas, adorava qdo criança, mas hj não curto tanto. Não conhecia essa série, e o livro parece ser bem divertido e com uma narrativa leve. Pelo visto, Kate passará por mtas encrencas ao se passar pela meia-irmã de sua madrasta.

    ResponderExcluir
  6. Ooi, sinto muita vontade de começar a ler essa série, amo releituras dos contos de fadas.
    Fiquei curiosa para saber como Kate vai se passar pela meia-irmã, parece uma história muito boa.

    ResponderExcluir
  7. É tão bom quando nos surpreendemos com um livro! Parece que fica melhor ainda, né?! Eu estou lendo um que estava na minha estante há uns 2 anos e também tô me surpreendendo demais! Tô amando ele! Com certeza vou ler, depois da sua resenha! SE tivesse visto ele, ao acaso, não compraria, mas agora sei que é bom!

    ResponderExcluir
  8. Eu até que estava com vontade de ler esse livro, mas vi uma resenha onde dizia que o principe ficava agarrando a moça, mesmo quando ela dizia não, fiquei com o pé atrás... Foram essas as atitudes do principe que te irritaram? Eu ficaria irritada com isso! Então não sei se leria não viu..

    ResponderExcluir
  9. Olá! Romance é um gênero que eu geralmente fujo e acho que esse livro não é exceção. Não curto muito releituras de contos de fadas também, acho que já tá ficando bem batido de tanto que os autores exploram isso. Que bom que foi uma leitura surpreendente e divertida pra você mas acho que não funcionaria comigo.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  10. Eu fiquei muito feliz quando soube que os contos de fadas clássicos e eu ganhar adaptações e seriam transformados em romances de época e fiquei muito satisfeita Quando eu soube que a editora arqueiro iria lançar esses livros não corri para as livrarias para saber mais tem o primeiro livro da série que é quando a Bela domou a Fera e só depois de um tempo foi que eu soube que esse livro na verdade é o segundo da série e que só foi lançado o primeiro porque foi na época de lançamento do filme da Bela e a Fera com Emma Watson e a editora quis pegar carona no marketing

    ResponderExcluir
  11. Eu amo a capa desse livro, é uma das mais lindas. A história é super envolvente e sempre leio somente pontos positivos sobre esse livro, isso é bom pois incentiva a gente a ler com confiança. Amei!

    ResponderExcluir

Seja bem vindo ao blog e obrigada por comentar!