março 29, 2019

Resenha: Um Marido de Faz de Conta - Os Rokesbys


Autora: Julia Quinn
Editora: Arqueiro
Número de Páginas: 304
Ano: 2019
Avaliação☆☆☆
Sinopse: Enquanto você dormia…   
Depois de perder o pai e ficar sabendo que o irmão Thomas foi ferido durante uma batalha nas colônias, Cecilia Harcourt tem duas opções igualmente terríveis: se mudar para a casa de uma tia solteira ou se casar com um primo vigarista. Então ela cruza o Atlântico, determinada a cuidar de seu irmão pelo tempo que for necessário. Só que, após uma semana sem conseguir localizá-lo, ela acaba encontrando seu melhor amigo, o lindo oficial Edward Rokesby. Ele está inconsciente, precisando desesperadamente de cuidados, e Cecilia promete salvar a vida desse soldado, mesmo que para permanecer ao lado dele precise contar uma pequena mentira...       
Eu disse a todos que era sua esposa                   Quando Edward recobra a consciência, não entende nada. A pancada na cabeça o fez esquecer tudo que aconteceu nos últimos três meses, mas ele certamente se lembraria de ter se casado. Apesar de saber que Cecilia Harcourt é irmã de Thomas, eles nunca foram apresentados. Mas, já que todo mundo a trata como esposa dele, deve ser verdade.
Quem dera fosse verdade…         
Cecilia coloca o próprio futuro em risco ao se entregar completamente ao homem que ama. Mas quando a verdade vem à tona, Edward talvez também tenha algumas surpresas para a nova Sra. Rokesby.

Cecilia cruzou o Atlântico em busca de respostas. Há algum tempo atrás, a jovem recebeu uma carta informando que seu irmão havia sofrido um ferimento em combate, por isso ela decide impulsivamente viajar para procurá-lo. Mas, ao chegar em Nova York descobre que o irmão está desaparecido e que o melhor amigo dele está em coma devido a um grave ferimento na cabeça.
Cecilia acaba contando uma mentira, pois ninguém sabe onde o irmão dela está e o melhor amigo dele (Edward Rokesbys) precisa de cuidados urgentes, por isso ela acaba dizendo a todos os presentes que ela era a esposa de Edward.
Como se não bastasse toda essa confusão, Cecilia ainda teve que fugir do primo odioso que está esperando uma confirmação de que o irmão dela morreu, para que ele possa herdar todo o dinheiro, a propriedade e se der tudo certo, ele deseja casar-se com ela.

Depois de receber os devidos cuidados, um belo dia Edward acorda e descobre que está casado com a irmã do melhor amigo. Devido ao seu ferimento, ele acabou perdendo a memória e por isso não lembra de absolutamente nada.
Cecilia é tudo o que Edward deseja em uma esposa e mesmo que ele não consiga confessar no momento, está feliz por tê-la ao seu lado.
A medida que Cecilia vai buscando respostas sobre o paradeiro do irmão, ela e Edward vão aproximando-se aos poucos e talvez um amor acabe florescendo entre os dois. Mas, ela não acha certo enganá-lo desse jeito e talvez a melhor opção seja contar a verdade e depois deixá-lo em paz antes que tudo acabe ficando ainda pior.

O começo do livro foi bastante divertido e envolvente, mas quando chegou na metade da leitura eu senti que deu uma "esfriada". A história não estava tão interessante assim - como se estivesse faltando conteúdo, mas eu precisava continuar para saber o que aconteceu com o irmão de Cecilia.
Essa foi a primeira leitura positiva que eu tive da autora! O primeiro livro que eu li dela não foi muito agradável (Mais Lindo que a Lua).
Confesso que eu esperava bem mais dessa história, mas pretendo continuar a série.

Cecilia tem um bom coração, é determinada e bastante carinhosa. Edward é gentil e um grande cavalheiro, eles realmente formam um bom casal, pena que não fiquei suspirando com o romance dos dois.
Esse é o segundo livro da série, mas pode ser lido antes do primeiro sem qualquer problema. No mais gostei da diagramação e a capa é mediana, a anterior é muito mais bonita.

Mesmo que isso significasse para ela a própria ruína. Estava vivendo em um castelo de cartas que desmoronaria no instante em que Edward recobrasse a memória. (...)

2 comentários

  1. Será que existe alguma mentira que termine bem? rs
    Talvez em romances de época sim..ou não!
    Sou apaixonada pelas letras da autora e não vejo a hora de poder conferir este livro dela.
    Julia soube construir um cenário único, com personagens beirando a realidade e isso é fascinante(aliás,esta é uma marca da autora)
    Fiquei meio apreensiva com o fato da história ter dado uma esfriada, mas acredito que não tenha sido nada que tenha tirado o brilho do enredo.
    Com certeza, lerei!!!
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Amei a resenha, amo os livros da autora, já quero ler esse :)

    https://www.submersaempalavras.com/

    ResponderExcluir