janeiro 03, 2021

Resenha: Terror a bordo

 


Autor: Stephen King, Bev Vincent e diversos autores

Editora: Suma

Número de Páginas: 288

Ano: 2020

Avaliação:  ☆☆☆

Sinopse: Apertem os cintos para esta antologia de contos turbulentos, com curadoria do mestre do terror e autor best-seller mundial, Stephen King, e do colunista da famosa revista de terror Cemetery Dance, Bev Vincent.

Stephen King odeia voar.
E agora, junto com seu coeditor Bev Vincent, ele está pronto para compartilhar esse medo com você.
Bem-vindos a Terror a bordo, uma antologia sobre tudo que pode dar terrivelmente errado quando se está a 20 mil pés de altura, cortando os céus a 800 km/h, preso em uma caixa de metal com centenas de desconhecidos.
Aqui você vai encontrar todas as maneiras como sua agradável viagem pelos ares pode se transformar em um pesadelo, incluindo algumas formas que você nunca imaginou… mas que vai imaginar da próxima vez em que estiver atravessando a ponte de embarque e entregando sua vida nas mãos de um estranho.
Incluindo histórias inéditas de Joe Hill e Stephen King, além de catorze contos clássicos e um poema de mestres como Richard Matheson, Ray Bradbury, Roald Dahl, Dan Simmons e muitos outros, Terror a bordo é, nas palavras de Stephen King, “perfeito para ler em aviões, principalmente durante aterrisagens turbulentas”.

Stephen King se juntou ao seu amigo/co-editor Bev Vincent para fazer uma seleção de dezessete contos dos mais variados estilos, por isso em Terror a bordo é possível encontrar de tudo um pouco e com apenas um único tema: aeronaves! 

Nesses contos encontraremos seres monstruosos que farão os protagonistas questionarem a própria sanidade como em Pesadelos a vinte mil pés ou Diablitos, exploraremos os lados sombrios da guerra como em Pássaro de Guerra e Eles não vão envelhecer.
Zumbis nos ares, assassinatos e toda criatura que você possa imaginar, tudo isso o leitor encontrará nesses dezessete contos. 

Vale destacar o conto Pesadelo a vinte mil pés. Nessa história encontraremos um passageiro tentando desesperadamente alertar a tripulação sobre uma criatura que está destruindo a fuselagem do avião, mas quem acreditará nele? E se ele estiver insano? O conto põe a prova a sanidade mental do personagem, mas e se ele estiver falando a verdade?

Por tratar-se de uma história de contos e de diferentes autores, é possível que o leitor sinta-se mais envolvido com uma história do que com outra, o que foi o meu caso. Alguns contos te prendem do começo ao fim, tem uma escrita fluida e interessante, mas em outros eu não me senti nada envolvida com a trama, por isso é bom que o leitor entenda que as histórias não tem o mesmo ritmo.

No geral foi uma leitura muito boa, alguns contos me arrepiaram a espinha e gostei muito da experiência, mas outros não foram tão interessantes, por isso sugiro que o leitor se aventure nesse livro sem muitas expectativas. 
No mais não tenho muito para citar sem dar spoiler e por tratar-se de contos qualquer informação a mais que eu desse estragaria a experiência da leitura, pois as histórias são curtas.
Li o livro em ebook, então não tenho considerações finais sobre a obra física. O livro foi disponibilizado pela editora na plataforma netgalley. 

“A pele manchada tinha se soltado em toda parte, menos no rosto, que continuava puro e inocente como o de um anjo no céu.”

2 comentários

  1. Falou que tem a assinatura do Mestre, os olhos já enchem de desejo! De ler rs
    Namoro esse livro já tem um tempo, mas ainda não tive oportunidade. Não foi um livro tão elogiado, mas acho que isso de contos é assim mesmo, uns nos ganham muito mais que outros!
    Mesmo assim, quero demais conferir ele!!!
    Beijo

    Angela Cunha/O Vazio na Flor

    ResponderExcluir
  2. Oie! Tudo bem?
    Eu não sou muito fã de contas, mas se tratando do tio King não tem como não ler haha ele é o único que eu gosto desse gênero literário.
    Beijos
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir

@coelhoobrancoo

© Seguindo o Coelho Branco. Design by Eve.