Lalau e Laurabeatriz homenageiam bichos do Pantanal em novo livro - Brasileirinhos do Pantanal



Há mais de 25 anos essa dupla tem dado voz, poesia, cor e forma para os animais da nossa fauna brasileira. Com uma introdução escrita pelo jornalista André Trigueiro, esse título é o 4º da série brasileirinhos que está sendo publicada pela Companhia das Letrinhas.

Apresentar a maior planície alagada do mundo com arte, poesia e um breve glossário das espécies pantaneiras é a magia deste livro

- André Trigueiro

Entre os animais homenageados por Lalau e Laurabeatriz desta vez, alguns são bem conhecidos do ambiente do pantaneiro e também do imaginário popular, como a famosa capivara e o pássaro tuiuiú. Outros são mais inusitados, como a linda gralha-picaça, de penas azuis bem vivas, que imita o canto de outras aves, e o lagarto-jacaré, que pode chegar a 1,20m de comprimento e parece um jacaré nadando.




Além do poema e da ilustração, também há informações e curiosidades sobre os hábitos, a alimentação e a forma como vivem esses brasileirinhos pantaneiros. No final do livro, para estimular ainda mais a curiosidade por essas espécies tão ricas em diversidade quanto ameaçadas pela ação do homem, há uma lista de parques onde eles podem ser encontrados, como o Parque Nacional da Chapada dos Guimarães e a Estação Ecológica de Taiamã, além de instituições e ONGs de proteção ao Pantanal.

O trabalho envolve muita pesquisa e seleção dos autores, além de uma parceria com biólogos e ornitólogos. Sobre a mistura de gêneros textuais nos livros da série, Lalau disse o seguinte em entrevista ao Blog da Letrinhas: "Com a informação, a criança se conscientiza. Com a poesia, o lúdico e a beleza dos animais, retratada nas ilustrações, a criança se emociona. O que pretendemos é juntar essas duas coisas para a ideia de preservação ser acolhida pela criança. É um trabalho de formiguinha."


Aproveite para ler no blog da Companhia das Letrinhas os 10 livros infantis entre os melhores do ano. Leia aqui.
“O Pantanal
Encharca, seca,
Queima, teima,
Nasce, morre,
Renasce sempre
Que amanhece.”

- Trecho do poema “Tuiuiú”, de Brasileirinhos do Pantanal


Sobre os Autores:

LALAU nasceu em São Paulo, em 1954. Publicitário, também trabalha com desenho e computação gráfica. Recebeu o selo “Altamente Recomendável” da FNLIJ (Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil) para vários de seus livros.

LAURABEATRIZ nasceu no Rio de Janeiro e mora em São Paulo há bastante tempo. É ilustradora e artista plástica. Já ilustrou diversos livros para crianças, publicados pelas editoras Companhia das Letrinhas, Ática, Scipione e FTD, entre outras.

0 comentários ♡