06 dezembro 2016

Resenha: O Coração da Esfinge - Deuses do Egito


Autora: Colleen Houck
Editora: Arqueiro
Número de páginas: 368
Ano: 2016
Avaliação☆☆

Sinopse: Lily Young achou que viajar pelo mundo com um príncipe egípcio tinha sido sua maior aventura. Mas a grande jornada de sua vida ainda está para começar.Depois que Amon e Lily se separaram de maneira trágica, ele se transportou para o mundo dos mortos – aquilo que os mortais chamam de inferno. Atormentado pela perda de seu grande e único amor, ele prefere viver em agonia a recorrer à energia vital dela mais uma vez.
Arrasada, Lily vai se refugiar na fazenda da avó. Mesmo em outra dimensão, ela ainda consegue sentir a dor de Amon, e nunca deixa de sonhar com o sofrimento infinito de seu amado. Isso porque, antes de partir, Amon deu uma coisa muito especial a ela: um amuleto que os conecta, mesmo em mundos opostos.
Com a ajuda do deus da mumificação, Lily vai descobrir que deve usar esse objeto para libertar o príncipe egípcio e salvar seus reinos da escuridão e do caos. Resta saber se ela estará pronta para fazer o que for preciso.Nesta sequência de O Despertar do Príncipe, o lado mais sombrio e secreto da mitologia egípcia é explorado com um romance apaixonante, cenas de tirar o fôlego e reviravoltas assombrosas.

Nesse segundo livro da série Deuses do Egito vamos vendo as consequências do ato final de Amon que aconteceu na história anterior e isso faz com que a vida de Liy fique cada vez mais complicada.
Amon não rompeu a ligação entre os dois e ainda fez algo "proibido", fazendo com que ele não consiga entrar no além devido a falta de seu coração que agora está com a jovem Lily.

Vemos uma garota que está fugindo da sua vida atual, os pais continuam forçando-a a fazer a faculdade que eles querem, ela não consegue ser ela mesma quando está em casa e para mudar um pouco o cenário ela vai visitar a avó e acaba recebendo uma visita inesperada. Anúbis acaba contando o que está acontecendo com Amon e isso faz Lily tomar a decisão de ajudá-lo mesmo contra a sua vontade, pois Amon não quer que a garota corra perigo. 
Lily sente a pulsação de Amon através do escaravelho que carrega consigo e consegue visitar o amado em seus sonhos, porém ela precisa consertar o erro de Amon para que ele não sofra e acabe morrendo definitivamente. Mas, para que isso aconteça ela precisa passar por uma série de testes que podem matá-la. 

A história vai girando em torno de Lily tentando salvar Amon e ele recusando ser salvo para tentar protegê-la. Mas, como Lily é teimosa demais decide resgatar Amon a qualquer custo e vai passar por diversas provações até conseguir o que quer. Essa premissa tinha tudo para dar certo, a mitologia presente na história é enorme e como sou grande fã fiquei empolgada com a continuação, mas fui frustada na leitura.

Creio que a autora não soube trabalhar com a bela história que tinha em suas mãos, ficou com muitas coisas acontecendo ao mesmo tempo no decorrer da leitura, pois passava de uma situação para outra bem rápido, quase atropelando o acontecimento anterior e me fez ficar bem cansada enquanto lia o livro. A leitura ficou massante e eu já não estava aguentando mais continuar.

Lily acaba sofrendo uma transformação durante a leitura devido a uma de suas provações, o que deixa a história interessante, mas também tem alguns pontos negativos.
Amon fica se recusando a ser resgatado e não quer fazer Lily sofrer e isso foi me cansando. Sem contar que todo mundo começou a se sentir atraído pela Lily fazendo com que quase ninguém tivesse controle sobre seus atos quando estava perto da garota. Essa com certeza foi uma das piores partes, pois fiquei agoniada com nenhum homem conseguindo se controlar perto dela.

Essa leitura foi uma enorme decepção. Foi uma história que eu esperava bem mais e encontrei algo cheio de informação e sem nenhuma emoção, era como se a história tivesse toda sido jogada em cima de mim de qualquer jeito e eu que achasse uma forma de fazer aquilo funcionar.
Realmente quase nada nesse segundo livro me convenceu e não irei ler a continuação, pois infelizmente desanimei demais com a série.
A capa segue o mesmo estilo da anterior, a diagramação está maravilhosa e não achei qualquer erro durante a leitura.

9 comentários

  1. Não é a primeira pessoa que me fala que esse livro foi uma decepção, eu confesso que a autora nunca me atraiu. Então quando lançou está série nem dei bola. E depois de tanta negativa no segundo livro desaninei mais ainda. Gostei da sua sinceridade parabéns viu.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Olá, tudo bem?
    Já li várias resenhas desse livro e nenhuma delas conseguiu me convencer a essa leitura. A sua é uma das poucas negativas que vi e mais uma a me convenser e que esse livro não vale meu tempo. Amei a sinceridade na sua resenha. Beijos

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Caramba, um livro da Colleen ruim? Deve ter sido bem decepcionante mesmo... imagino que ela tenha pecado na escolha do enredo tb, é dificil tratar de um amor assim, além de ser bem batido: uma garota teimosa que quer salvar seu namorado, enquanto o namorado não quer ser salvo para proteger a namorada... já cansa só de pensar. Uma pena, pelo menos a escrita dela é boa, uma pena ter sido tão ruim :/
    bjs
    :)
    http://umavidaliteraria1.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Olá,

    Eu amo as obras dessa autora e esse livro foi um prato cheio, achei bem melhor que o segundo e gostei muito do desenvolvimento da Lily, só fiquei incomodada com a Tia mesmo haha.

    Abraços,
    Cá Entre Nós

    ResponderExcluir
  5. Achei esse livro um saco, o desenvolvimento da Lily me deixou sem paciência. Parecia um grande mimimi haha, espero que o último livro não me decepcione como esse :/ Achei a Tia chata.
    www.belapsicose.com

    ResponderExcluir
  6. Olá,
    Tenho visto que muita gente pelos blogs que acompanho não ficou tão satisfeito com esse segundo volume, achando-o muito cansativo.
    Uma pena que em certo ponto você também tenha achado isso com toda a insistência de Amon em não ser resgatado.
    Confesso que estou desanimada para iniciar a leitura por conta dessas críticas negativas que vi. Vou esperar lançar o terceiro e ver algumas opiniões antes para decidir se quero ou não.

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Eu fiquei na maior vontade de ler essa série por causa das capas que são lindas e pela mitologia que iria ser o foco... Mas, como me decepcionei muito com a outra série da autora preferi deixar passar e quem sabe, depois de algumas resenhas decidir se arriscaria a leitura.
    Sua resenha me fez lembrar meus sentimentos com os livros que li da autora - antes de abandonar a série do Tigre... É uma ideia boa mas mal aproveitada e que cansa o leitor.
    E olha que a sua é a primeira resenha 2 estrelas que vejo - o que me faz pensar que ou as pessoas tem elogiado muito o livro por ler pouco (lembro que livros que li anos atrás e elogiei hoje, depois de tantos outros que já li não ganhariam a mesma classificação) ou então por terem medo de dar nota baixa para um livro....
    Esse é um que passa direto pela minha lista...
    Beijinhos,
    Lica
    Amores e Livros

    ResponderExcluir
  8. Amiga, também me decepcionei demais com este livro, eu ia lendo e doida para acabar logo, gostei demais da sua resenha e concordo com vc!!

    Beijos Mila

    ResponderExcluir
  9. Olá, tudo bem?
    Vejo muitas pessoas falando muito bem desta autora, meio decepcionante ela não saber continuar com o enredo que tinha em mãos.
    Gostei muito da sua sinceridade na resenha!
    Beijos, Larissa (laoliphant.com.br)

    ResponderExcluir

Seja bem vindo ao blog e obrigada por comentar!